escritório de comunicação


Eleição legislativa define o futuro do País

Convidados do Tá na Mesa dessa quarta-feira (8) defenderam a importância do voto consciente e lamentaram a falta de motivação do eleitor

 A necessária transformação política indo além da eleição presidencial é o desejo dos convidados do Tá na Mesa dessa quarta-feira (8), que discutiram sobre o “Cenário político gaúcho e nacional”. Segundo a cientista política e social Elis Radmann, o presidente da OAB/RS, Ricardo Breier e os jornalistas Rosane de Oliveira (RBS) e André Machado (Band), a sociedade precisa ter consciência sobre a importância dos senadores e deputados federais durante as eleições de outubro.

         O presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, lembrou que os cidadãos precisam dar credibilidade ao seu direito de voto. “A eleição não pode ser usada como uma forma de protesto, sofrendo com toda a carga negativa da crise política atual”, refletiu. Para isso, a OAB está lançando a campanha “Vote Consciente”, para incentivar o voto responsável e válido entre toda a sociedade. Segundo Breier, a campanha não é um programa isolado da OAB, mas um projeto de cidadania.

         A campanha, apoiada pela Federação de Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul (Federasul), se faz necessária principalmente diante das pesquisas apresentadas pela cientista política e social Elis Radmann. Segundo dados do Instituto Pesquisas de Opinião, 2/3 da sociedade está antissistema e 48,9% dos gaúchos acreditam que nada vai mudar com as eleições de outubro. “O eleitor está descrente, sem representação. É preciso mudar a forma de se fazer política para reconquistas esses cidadãos. A sociedade quer menos propostas e mais soluções objetivas, menos política e mais empatia”, destacou.

         Apesar dessa realidade, André Machado reforçou que “a política é o único caminho para transformar a sociedade, principalmente a partir do Congresso Nacional, que é onde vão determinar essas mudanças”. Nessa mesma linha, Rosane de Oliveira complementou afirmando que bons nomes concorrem para deputado federal. “Precisamos valorizar o voto legislativo. Eleger um bom senado e defender esses deputados que querem fazer a diferença”, concluiu.

         Para os convidados, é preciso acreditar em uma política melhor a partir do voto. De acordo com a presidente da Federasul, Simone Leite, é fundamental que se criem espaços de discussão para alertar sobre a realidade política do País e do Estado e incentivar a participação da sociedade civil.

 

08/08/2018 - fróes, berlato associadas

banco de imagens

confira as imagens do release,

nenhuma imagem disponível no momento
froes@froesberlato.com.br

empresa | equipe | clientes | contato

fróes, berlato associadas © 2009 - 2018

Rua Silva Jardim, 466/207 - Mont'Serrat - Porto Alegre/RS

(51) 3388-6847 / (51) 3388-6848