escritório de comunicação


Preocupação com o meio ambiente nasceu com a Castertech



Criada para fornecer peças em ferro fundido nodular e cinzento às Empresas Randon e ao mercado, a Castertech Tecnologia e Fundição utiliza, entre os insumos, os resíduos metálicos gerados pelas próprias empresas do conglomerado. Com esta prática, garante a sustentabilidade não apenas ao negócio, como dá respostas à política de responsabilidade social ao promover economia na utilização de recursos naturais.

Para 2014, na área ambiental, um projeto, ainda em desenvolvimento, irá mitigar o descarte da areia de fundição em definitivo. Atualmente o descarte é realizado em aterro sanitário licenciado.“Com o sucesso deste projeto, ainda em testes, pretendemos zerar o passivo ambiental, em mais uma ação de vanguarda que a nossa fábrica apresenta ao mercado,’’ afirma o diretor corporativo -  Autopeças das Empresas Randon, Alexandre Gazzi.

A empresa opera totalmente dentro de normas técnicas e ambientais consideradas referências em seu segmento e seus funcionários são orientados a destinar corretamente os resíduos conforme os coletores identificados e distribuídos pela fábrica. Os padrões na qualidade dos produtos Castertech, em segurança na produção e também no respeito ambiental, são garantidos pelas certificações ISO TS 16949, ISO 14001 e OHSAS 18001, atualizadas para a perfeita aceitação junto às montadoras e de acordo com normas internacionais.

Com o fornecimento de peças brutas como spiders, sapatas de quinta-roda, cubos e suportes para caminhões e implementos rodoviários, que são trabalhadas (usinadas) nas empresas-clientes, a empresa já alcança a produção de 30 mil toneladas ao ano e deverá atingir um total de 40 toneladas/ano até o ano de 2018, conforme previsto em seu Planejamento Estratégico.

Dentre as ações já implantadas que visam a preservação de recursos naturais está a captação de água da chuva usada no processo de produção. A medida permitiu a economia de milhares de litros de água tratada, até então utilizada no processo. Atualmente a Castertech conta com reservatórios que podem armazenar um milhão de litros.

 

Perfil - A Castertech Fundição e Tecnologia, criada em 2006, produziu as primeiras peças fundidas no final de 2009. Parte delas foram destinadas a testes de homologações junto às OEMS, com o fornecimento regular iniciado no ano seguinte. Construída numa área de 12 mil m², dentro de um todo maior de 7,3 hectares, a empresa teve o aporte de investimentos que totalizaram R$ 117 milhões, sendo R$ 22 milhões em sistemas de proteção ao meio ambiente. A capacidade projetada é de 30 mil toneladas/ano de peças leves e pesadas em ferro fundido nodular. Dentro da política de sustentabilidade das Empresas Randon, a fundição processa 100% da matéria-prima não-aproveitada proveniente das demais empresas do grupo e dá a adequada destinação aos resíduos sólidos em aterros licenciados, sendo os efluentes encaminhados à Estação de Tratamento, no Complexo Randon.

 

 

 

Fróes, Berlato Associadas

Coordenação/Porto Alegre: Gladis Berlato: gladis@froesberlato.com.br (51-3388.6848)
    Em Caxias do Sul: Josiane Strey Corrêa: josiane.correa@randon.com.br e

Régis Vargas:  regis.vargas@randon.com.br  (54-3239.4314)
                     Em São Paulo: Mecânica de Comunicação: meccanica@meccanica.com.br (11-3259.1719)

 

 

 

27/02/2014 - fróes, berlato associadas

banco de imagens

confira as imagens do release,

nenhuma imagem disponível no momento
froes@froesberlato.com.br

empresa | equipe | clientes | contato

fróes, berlato associadas © 2009 - 2017

Rua Silva Jardim, 466/207 - Mont'Serrat - Porto Alegre/RS

(51) 3388-6847 / (51) 3388-6848