escritório de comunicação


CACB vai contribuir para universalizar o Simples

A Carta de Porto de Galinhas aponta ainda para a necessidade de lutar incansavelmente pela ética

No encerramento do 23º Congresso da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB) nesta sexta-feira, dia 13, em Porto de Galinhas (PE), o presidente José Paulo Dornelles Cairoli, leu o documento final produzido durante o encontro, a chamada Carta de Porto de Galinhas, que será entregue à presidenta Dilma Rousseff. Os empresários sugerem oito pontos que serão acompanhados pela CACB como a contribuição, junto à Secretaria da Micro e Pequena Empresa, para implementar as medidas voltadas à simplificação do Simples Nacional. O segmento aguarda a  redução do prazo de abertura e fechamento de empresas, a universalização do Simples e a eliminação da substituição tributária às micro e pequenas empresas.

 

Para tanto, a Secretaria da Micro e Pequena Empresa vai eliminar todas as exclusões para liberar o acesso ao Simples levando ao Congresso Nacional quatro temas centrais. Eles serão instituídos por meio de emenda constitucional de parlamentares ligados à Frente Nacional da Micro e Pequena Empresa.

 

O 23º Congresso da CACB abordou também os desestímulos da substituição tributária sobre o segmento das micro e pequenas empresas num painel com a participação do presidente da Comissão da Frente Parlamentar das MPEs, deputado Pedro Eugênio. O ex-secretário da Receita Federal, Everardo Maciel falou sobre como viabilizar a desburocratização seguido por um painel internacional sobre o Papel das Entidades Empresariais na Promoção do Desenvolvimento Local, com a participação de presidentes de Confederações de Comércio da Colômbia, Mexico, Bolívia. O economista Paulo Rabelo de Castro, encerrou o encontro com uma frase sobre o Brasil de hoje: “toda desordem nas despesas do governo resulta num assalto de tributos”.

 

         Realizado durante dois dias, o 23º Congresso da CACB reuniu mais de 1000 empresários de 26 Estados no Summerville, em Porto de Galinhas, onde produziu um debate sobre cenários para ajudar os empreendedores nas suas decisões de investimento. Com o tema “Brasil de Soluções”, avaliou a fórmula como os empresários devem se posicionar frente a solução dos problemas que travam o crescimento, incluindo sempre o papel da parceria público-privada e a necessária mudança de atitude para se integrar às mudanças que precisam ser adotadas e que estão sendo pedidas pelos movimentos de ruas.

 

19/09/2013 - fróes, berlato associadas

banco de imagens

confira as imagens do release,

nenhuma imagem disponível no momento
froes@froesberlato.com.br

empresa | equipe | clientes | contato

fróes, berlato associadas © 2009 - 2017

Rua Silva Jardim, 466/207 - Mont'Serrat - Porto Alegre/RS

(51) 3388-6847 / (51) 3388-6848